Construindo um legado

Você se recorda de alguma situação em que você decidiu que queria algo e se dedicou com todas as suas forças? Pode ser aquele presente especial de aniversário ou de natal, quando você se desdobrou na habilidade de argumentação com seus pais ou com a pessoa que poderia realizar seu desejo.

Talvez aquele primeiro emprego, em que viu a oportunidade de ganhar seu dinheiro e ter mais liberdade. Lembra o quanto você caprichou na entrevista, cuidando para não dizer gírias, usando palavras bonitas, vestindo sua melhor roupa, passando um bom perfume e se maquiando?

Talvez você tenha até “ensaiado” na frente de um espelho em casa para ver como é que estava se saindo. E aquela reunião com seu chefe, em que você pesquisou informações, envolveu colegas no preparo do material de modo a deixá-lo impecável? A conquista do primeiro amor nunca se esquece, não é mesmo?

Tente se recordar de como agiu para namorar o amor da sua vida. Provavelmente você investiu bastante do seu tempo para estudar a pessoa e o que iria fazer para convencê-la de que você era o par perfeito para ela.

Este exercício facilita o entendimento do que é sentir sa­tisfação por construir um legado. Quando pensamos em alguma experiência, em que tivemos que nos dedicar e separar um tempo de qualidade para realizar com excelência esta atividade, inicia­mos o processo de vivenciar a construção de um legado. Como disse, trata-se de um processo, em que você atingiu um resultado inesquecível. É um anseio que se trabalha como se fosse um dia­mante que se lapida. Aos poucos, vamos descobrindo facetas que encantam com seu brilho e exclusividade.

Temos uma relação angustiante com o tempo. Não que­remos desperdiçá-lo. Queremos usá-lo de forma útil e é muito bom perceber que fazemos diferença na vida de alguém por conta do seu uso adequado. É preciso saber o que se quer para valorizar o tempo disponível que temos, afinal não sa­bemos quando nossa vida vai terminar.

É muito comum nos depararmos com a sensação desconfortável de não ter tempo ou de não se estar aproveitando o tempo da melhor maneira. Então paramos para pensar e, de repente, sentimos angústia diante da busca existencial pelo sentido da vida e da dificuldade de encon­trarmos respostas. É de grande valia para aliviar esta angústia descobrir seus talentos e os trabalhos que possibilitam dar vazão à sua vocação e ao uso pleno de seus recursos. Isto dá significado à vida e promove satisfação pessoal.

Quanto você tem investido para chegar às respostas a respeito de qual é o seu chamado pessoal? Você já parou para pensar sobre a sua marca pessoal? Será que se dedicar a estas questões acrescentaria valor à sua vida? Você faz aquilo que tem vocação?

A maioria das pessoas escolhem suas carreiras influenciadas por fatores externos. Perdem a oportunidade de se conhece­rem e fazerem opções coerentes com a vazão de seu potencial e sua realização pessoal. É possível construir legado diante deste fato?

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Multitalento - Elevenmind

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?